#10
[ download .pdf ]

01 Valores sustentáveis
02 Presença que faz a diferença
03 QR Code: conexão direta
04 Entrevista: Marta Sobral Notas
05 Notas



#01 #02  #03  #04  #05  #06  #07
#08 #09 #10



 

POR Marleide Rocha

Cada vez mais presente no DIA A DIA das pesoas, o QR code
permite a aproximação entre marcas e consumidores




Não chega a ser novo, mas, sempre que é usado em ações criativas, o QR code desperta o interesse do público e gera comentários. Uma espécie de código de barras em 2D que armazena informações e pode ser escaneado pela maioria dos aparelhos celulares com câmera fotográfica, ele elevou a interação entre empresas e público a um novo nível.

Coreia do Sul e Chile acolheram uma ideia que uniu tecnologia e espaço público na solução um problema sério dos moradores das grandes metrópoles: arrumar tempo para as compras de supermercado.

Com senso de oportunidade, as redes varejistas Tesco e Jumbo decidiram dar uma forcinha e levar as compras até o cliente. Eles elaboraram uma ação na qual o usuário de metrô poderia aproveitar o tempo e fazer suas compras enquanto esperava o trem. Foram espalhados nas estações painéis semelhantes a gôndolas de supermercado. Eles continham fotos dos produtos e os QR codes correspondentes. As pessoas efetuavam a compra com o smartphone, escaneando os códigos e pagando on-line. Depois, recebiam os produtos em casa, com a maior comodidade. Além de ser premiada em Cannes, a ação contribuiu para levar clientes ao
e-commerce das marcas.



Mais lúdica, uma campanha da Heineken facilitou a interação dos participantes de um festival de música. A marca de cerveja propôs um “quebrar o gelo” do primeiro contato diferente. Numa tenda, o público podia customizar QR codes com mensagens às outras pessoas. Os códigos eram impressos em adesivos e colados na roupa. Qualquer participante podia escaneá-los e ver as mensagens. O público todo aderiu à ideia e a ação foi um grande sucesso.

São vários os usos do QR code em ações publicitárias, mas ele pode tornar-se ainda mais comum na vida das pessoas, como no caso de busca por produtos da mesma marca. Por exemplo, um consumidor com uma embalagem de iogurte nas mãos poderia usar o QR code para buscar outros locais próximos que também oferecessem o produto.

Além de obter informação sobre diferentes pontos de venda, ele também teria a oportunidade de comparar preços e comprar onde melhor lhe conviesse. A tecnologia está toda à disposição. É só ser criativo e aproveitá-la. QR codes, redes sociais e intervenções urbanas têm colocado marca e consumidor cada vez mais próximos. Assim como o investimento em ações sociais, esses recursos vêm promovendo uma crescente identificação do público com as empresas. Coerentemente, o resultado das iniciativas é medido sobretudo pelo grau de fidelização conquistado.

 

2011 © Yemni – Branding Design & Comm.
rua faustolo, 595 . 05041.000 . são paulo . sp . fone: 55 (11) 3018 8232